O Agente Educador é o cargo mais defasado da Secretaria Municipal de Educação

No dia 7 de abril de 2011, o Brasil e o mundo acompanharam uma das mais desastrosas e tristes matanças ocorridas na nossa cidade. Um ex-aluno da Escola Municipal Tasso da Silveira,Wellington Menezes de Oliveira, com 23 anos, em Realengo, invadiu o colégio armado e matou covardemente 12 alunos. O caso ainda trás recordações ruins para a nossa rede escolar, infelizmente.

No ano de 2010, pouco menos de 1 ano antes da tragédia em Realengo, houve o lançamento do último edital para o provimento no cargo de Agente Educador. Foram lançadas apenas 10 vagas por CRE – Coordenadorias Regionais(atualmente são 11).

Até o ano de 2011, havia uma lotação de 1.000 Agentes na rede. Após a tragédia na Escola Tasso da Silveira, a Secretaria Municipal de Educação, resolveu tomar as seguintes medidas:

1- Contratação de porteiros(só durou 3 anos)

2- Chamada de mais Agentes Educadores

3- Ampliação da lotação de 1.000 para 3.000 Agentes(Lei 5.288 de 30 de junho de 2011).

Com o passar dos anos, as escolas ficaram sem porteiros. O contrato com a empresa durou somente 3 anos. O edital do concurso de Agente Educador expirou em fevereiro de 2015, e  hoje temos bem menos de 1.000 Agentes – em torno de 800, e deveríamos ter 3.000, ou seja, temos quase 70% de baixa no cargo. Para uma rede que possui mais de 1.500 escolas, é uma situação alarmante. Confira abaixo o total de escolas municipais: (Última atualização: Julho/2017)

Para efeito de informação, o cargo de Agente Educador possui a seguinte descrição sumária: Prestar apoio às atividades educacionais mediante orientação, inspeção e observação da conduta do aluno e atender à segurança de crianças e jovens nas dependências e proximidades das unidades escolares da rede do Município, ou seja, é o cargo que tem a função do antigo Inspetor de Alunos, aquele responsável pela ética e segurança dos alunos da rede municipal. É uma função das mais importantes dentro do contexto educacional. Não há dúvida.

O que mais impressiona é que as medidas tomadas após a tragédia em Realengo deveriam ser uma OBRIGAÇÃO. Se nada disso tivesse acontecido, não teríamos porteiros(e não temos no momento), não teríamos mais Agentes Educadores e nem a ampliação da lotação, dentre outras. Não podemos jamais pensar em colocar a tranca quando a porta já está quebrada. Não dá para ser assim. Trabalhamos com material humano – crianças e adolescentes e servidores. Temos que buscar sempre trabalhar na PREVENÇÃO dos problemas, e não deixar que eles aconteçam. É assim que tem que ser.

Temos que buscar soluções imediatas para que haja o quanto antes um novo concurso. E para isso, temos que regularizar a escolaridade do Agente Educador, que é atualmente de nível fundamental, e de acordo com a LDBLei de Diretrizes e Bases da Educação, a escolaridade deve ser de nível técnico. Não dá mais para esperar. Não queremos que aconteça outra tragédia na nossa rede municipal de ensino, e não queremos mais ver tantos Agentes Educadores adoecendo e até exonerando. Chega.

 

 

 

5 Comments

Add a Comment
  1. E quem vai resolver isso?
    Paulo Messina?
    Aquele que ignorou a resposta que o prefeito deu,publicamente,para sua própria assessora e fez um discurso completamente diferente?
    Aquele que continua ignorando e não responde o que aconteceu em 12 dias para o Agente Educador ter que esperar até abril?
    Eu realmente adoraria entender a razão da cobrança nunca ser direcionada a ele.
    Afinal,esse é o site oficial da categoria?
    Até quando os Agentes Educadores que restaram vão conviver com essa situação?
    O prefeito já disse que seria AINDA ESTE ANO.Quem disse o contrário foi o Paulo Messina.
    E quem postou foto com o Secretário em jantar sobre votação foi o Paulo Messina.
    Não seria lógico questioná-lo?
    O Executivo respondeu,não?
    Está gravado.Inclusive postado aqui em 03 de outubro.

    1. Kelly, quem tem que resolver a nossa situação e a do apoio é o Messina. Nós inclusive estamos cobrando através da página dele no face. Dia 13 de dezembro sairá finalmente a bendita votação do PME. É uma ótima hora para todos se manifestarem. É final de ano nas escolas, e dá muito bem para todos comparecerem. Abs.

      1. Não,Jefferson.
        Dia 13 ainda é recuperação nas escolas de segundo segmento.
        Sendo muito sincera,um profissional que ganha R$1.020,00 de salário base pode mesmo se dar a certos luxos como faltar para cobrar de uma pessoa que não respondeu aos questionamentos feitos em sua página?Depois de 5 anos esperando?
        Esse tempo já passou.
        Minha sugestão é: o vereador diz que existe em seu gabinete um representante de cada categoria.
        Seria possível que a representante desta categoria,realizasse esse questionamento diretamente a ele e depois fosse publicada a resposta nesta página oficial?
        Afinal,creio eu que é para isso que a categoria tem essa representação,não é mesmo?
        Eu também estou cobrando na página dele,mas parece que não está surtindo qualquer efeito,pois a última informação data de outubro e foi um “talvez”.
        Estamos em dezembro.
        Um abraço.

    2. Paulo Messina!

      Quem me conhece das antigas, sabe como fui leal as escritas e as palavras dele, até que as mesmas caíram por terra comigo e vários agentes ficaram contra a minha pessoa! Hoje a categoria colhe os frutos não plantados por alguém que tinha interesses maiores, bem maiores do que nos ajudar uma categoria como a nossa!

      Foi dito que seria inconstitucional mudar a nossa escolaridade, mas existia uma lei bem embaixo dos nossos olhos e não sabíamos de sua existência e nem mesmo o pessoal do Messina? Mais agora como num passe de mágica se pode mudar a escolaridade!
      Foi dito que não se poderia diminuir a nossa carga horária pq seria inconstitucional, mas agora se pode!

      “Deixa quieto”!
      “Rs”.

      A figura Agente Educador II foi jogada de lado e esquecida num canto!
      Fizemos Paulo Messina, mas ele não nos fez e nem mesmo a última súplica de socorro das Merendeiras foram ouvidas numa audiência Pública onde a mesma chorou e pediu socorro!

      São precisamente 51 vereadores lotados na casa do povo que tem dentro de funções fiscalizar o trabalho do Prefeito do RJ! Existem dois vídeos na internet que mostram Crivella prometendo mudar a nossa escolaridade e pq nenhum desses vereadores fiscalizam isso?
      Tá de brincadeira né Alberto??!!
      Messina trabalha para o Prefeito pq ele “bateria de frente” com ele?
      Adoro esse termo “bater de frente”, usei ele na época do Eduardo Paes e agora estou usando com Crivella!

      E Messina está se comportando politicamente igual, diferente ou pior da época de Eduardo Paes?

      Até seus fiéis escudeiros de Messina não aparecem mais, todo mundo se entocou! Vergonha!
      Eu avisei em minhas matérias!
      Muita mentira e as verdades não queriam mostrar!
      Um dia comentei tudo isso com a minha família e disse:
      “Me orgulho de ter saído dessa comissão”!
      E me perguntaram pq?
      E eu disse:
      “NÃO SEI ENGANAR AS PESSOAS”!

      Alberto.

  2. Caros companheiros
    Hoje é um dia muito importante pra mim, trata-se de um avanço que para muitos não é nada. Foram muitas humilhações, ofensas e desvalorização que eu e TODOS os meus colegas passamos diariamente em nosso local de trabalho. Primeiramente, quero externar o meu orgulho e admiração por cada Agente Educador que não desistiu, que trabalha no limite todos os dias e sem a mínima condição de trabalho. Meu agradecimento a cada um individualmente pelo trabalho árduo que enfrentaram e enfrentam todos os dias. Agradeço também em Especial à alguns colegas que são, a Kelly Matias , que apesar de termos seguido caminhos diferentes, continuo admirando e respeitando, pois foi ela quem começou tudo desde o orkut. Ao Alexander Martins, que esteve também junto desde o começo. Agradeço ao Jefferson Ribeiro Farei, esse é o nosso computadorzinho ambulante e advogado(apesar de ainda não saber disso) que nunca desiste. Ao Fabiano Valente que é o apaziguador do grupo(mas que deu um pega uns dias atrás..rs). E ao Wirley Barbosa, que esse tadinho, mora longe, mais nunca deixou de estar junto conosco em nossa luta. Ahhh, não poderia deixar de agradecer também, meu querido amigo Itamar Dantas, que sempre com mansidão me ajudou muito em momentos que pensei desistir. Não poderia esquecer da minha grande amiga Márcia Nunes, que sempre torceu por nós e serviu de espelho como uma grande lutadora.E em nome da categoria, quero agradecer ao nosso representante Vereador Paulo Messina, por ter pego nossa causa e não ter desistido de nós. Que esse seja o primeiro degrau de muitas vitórias juntos.
    Quero falar com vcs, que ninguém vence sozinho, por isso, conto com vcs HOJE para juntos assistirmos nossa PRIMEIRA vitória de muitas que virão…JUNTOS SOMOS FORTES !

    Ayla Paiva